Angústia Filosófica e Poética

Esta resenha sobre a abordagem envidada por Heidegger para a angústia em seu livro Ser e Tempo foi desenvolvida através de um estilo ficcional, imaginando-se um suposto debate travado entre esse filósofo e o poeta Fernando Pessoa em torno do tema. Heidegger inicia sua reflexão sobre angústia colocando esta como sendo a disposição que nadifica  o mundo, o que equivale dizer que 

Continue lendo